Weimar, destino pouco incluso nos roteiros, é uma das cidades que fazem parte do estado da Turíngia.

Por sua riqueza cultural, é Patrimônio da humanidade de acordo com a Unesco.É particularmente conhecida por causa dos grandes nomes  da cultura alemã que escolheram a cidade para viver: Goethe e Schiller, Herder e Wieland, Nietzsche, Fürnberg, Liszt,  Cornelius, Gropius, Feininger, Klee, Itten , entre outros.

Em Weimar está a casa de Goethe, onde o poeta viveu por quase 50 anos. Transformada em museu, é visitada anualmente por centenas de turistas.

A famosa biblioteca  Anna Amalia, apesar do incêndio que destruiu mais de 50.000 livros,  foi reformada e continua impecável.Inclusive o original de “ Assim falou Zaratustra” escrito por Nietzsche, está lá muito bem conservado e  protegido.Outro grande tesouro em Weimar é a universidade. Fundada em 1919, ainda hoje mantêm uma profunda e harmoniosa relação com a cidade. Sem contar que é um grande centro turístico e estudantil.O parque da cidade é uma atração à parte. Imenso e com um trabalho paisagístico incrível. A casa de férias de Goethe está situada no centro do parque e é  um dos muitos museus preservados  em Weimar.Goethe adorava o lugar e dizia que “Weimar não é uma cidade com um parque, mas um parque com uma cidade”

Há apenas seis quilómetros de distância situa-se o campo de concentração nazista de Buchenwald.Weimar  continua sendo um grande monumento da cultura e erudição alemã e europeia.

 

Deixe uma resposta